Coordenação da Pesquisa e Inovação

Iniciação Científica

Programa de Bolsa de Iniciação Científica (PBIC)

O Centro Universitário de Anápolis, por meio da Coordenação de Pesquisa e Pós-Graduação, iniciou em 2001 o programa de Bolsa de Iniciação Científica (PBIC), motivado pela convicção da importância de se investir em pesquisa. Essa iniciativa contraria o estigma de reprodutoras de conhecimento imputado às Instituições de Ensino Superior privadas. Reconhecem-se nesta afirmação razões históricas fundadas na tradição de uma formação acadêmica restrita à sala de aula e de pouco investimento em produção de conhecimento. Entretanto, o projeto acadêmico da UniEVANGÉLICA assume  relevância da relação pesquisa/ensino/extensão, cria condições efetivas para sua maior aproximação. Por isso, busca-se o fortalecimento da relação pedagógica entre professor/aluno, fazendo da pesquisa um autêntico laboratório de aprendizagem, de produção de conhecimento. E, ainda, de desenvolvimento de senso crítico e maturidade intelectual, num esforço contínuo para preparar o aluno para uma atuação qualificada na sociedade e no trabalho.

A coordenação, os professores orientadores e as bancas examinadoras vêm ao longo desse tempo orientando e acompanhando esse projeto, imbuídos pelo espírito crítico, procurando envolver cada vez mais a comunidade acadêmica da UniEVANGÉLICA.

Não restam dúvidas de que o PBIC já atingiu sua maioridade, e tem ganhado visibilidade através das publicações dos trabalhos nele realizados em revistas científicas nacionais e internacionais e apresentação de trabalhos em congressos, fóruns, entre outros.

Quem pode participar

Para se candidatar ao PBIC, o aluno deve estar com suas mensalidades em dia, não apresentar reprovação em disciplinas, e estar cursando entre o 2º e antepenúltimo período de graduação. As inscrições serão feitas na secretaria da Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, das 8h às 17h.